Se o problema é grande ou pequeno, há muitas coisas que você pode fazer para começar sua vida sexual de volta na pista. O seu bem estar sexual passa de mão em mão com a sua geral mental, físico, emocional e de saúde. Comunicar com o seu parceiro, a manutenção de um estilo de vida saudável, aproveitando-se de alguns dos muitos excelentes auto-ajuda no mercado, e apenas divertir-se pode ajudar você a tempo tempos difíceis.

O sexo. A palavra pode evocar um caleidoscópio de emoções. De amor, de emoção, de ternura e de saudade, ansiedade, e as decepções—as reações são tão variadas como as experiências sexuais a si mesmos. Além do mais, muitas pessoas vão encontrar todas essas emoções e muitos outros, no curso de uma vida sexual estendendo-se por várias décadas. As principais formas de encontrar soluções para estes problemas de ereção e falta de desempenho sexual acredito que é fazendo a leitura do Xtrasize bula. 

xtrasize funciona mesmo

Xtrasize funciona mesmo?

O tratamento de problemas sexuais é mais fácil agora do que nunca antes. Revolucionário, medicamentos e profissionais terapeutas sexuais estão lá, se você precisar deles. Mas você pode ser capaz de resolver pequenos problemas sexuais fazendo alguns ajustes no seu estilo de amor. Aqui estão algumas coisas que você pode tentar em casa. No caso do Xtrasize é um estimulante que ajuda a regular os hormônios masculinos e facilita o desempenho sexual.

Educar-se. Muita boa auto-materiais de ajuda estão disponíveis para cada tipo de problema sexual. Navegar na Internet ou em sua livraria local, escolher alguns recursos que se aplicam a você, e usá-los para ajudar você e seu parceiro se informar melhor sobre o problema. Se a falar diretamente é muito difícil, você e seu parceiro podem sublinhar passagens que você mais gosta e mostrar-lhes uns com os outros.

Mas o que é sexo, realmente?

Em um nível, o sexo é apenas um outro hormônio orientado a função corporal projetado para perpetuar a espécie. É claro, essa visão estreita subestima a complexidade da resposta sexual humana. Além bioquímicos forças no trabalho, suas experiências e expectativas em ajudar a moldar a sua sexualidade. Sua compreensão de si mesmo como um ser sexual, os pensamentos sobre o que constitui uma satisfatória relação sexual, e o seu relacionamento com o seu parceiro são fatores-chave na sua capacidade para desenvolver e manter uma vida sexual satisfatória.

Falando com seu parceiro

Muitos casais acham difícil falar sobre sexo, mesmo sob as melhores circunstâncias. Sexual quando ocorrem problemas, sentimentos de mágoa, vergonha, culpa e ressentimento pode interromper a conversa completamente. Porque a boa comunicação é a base de um relacionamento saudável, estabelecendo um diálogo é o primeiro passo não apenas para uma melhor vida sexual, mas também para uma mais estreita ligação emocional. Aqui estão algumas dicas para lidar com este assunto sensível.

Encontrar o momento certo para falar. Existem dois tipos de sexual conversas: o que você tem no quarto e o que você tem em outros lugares. É perfeitamente apropriado para dizer ao seu parceiro o que se sente bem no meio do ato sexual, mas é melhor esperar até que você esteja em um estágio mais neutro da configuração para discutir questões maiores, como incompatíveis desejo sexual ou orgasmo problemas.

Evite criticar. Sofá sugestões em termos positivos, tais como, “eu realmente adoro quando você tocar no meu cabelo levemente dessa forma,” ao invés de focar sobre os negativos. Abordagem de um problema sexual como um problema a ser resolvido em conjunto, e não um exercício de atribuição de culpa.

Confia no seu parceiro sobre as mudanças em seu corpo. Se ondas de calor mantê-lo à noite ou menopausa tem feito a sua vagina seca, converse com seu parceiro sobre essas coisas. É muito melhor que ele sabe o que realmente está acontecendo, em vez de interpretar estas mudanças físicas como falta de interesse. Da mesma forma, se você é um homem e você não conseguir uma ereção apenas a partir do pensamento de sexo, mostre o seu parceiro como para estimulá-lo, em vez de deixá-la acreditar que ela não é atraente o suficiente para excitá-lo mais.

Ser honesto. Você pode pensar que você está protegendo seu parceiro os sentimentos, fingir um orgasmo, mas na realidade você está começando a descer uma ladeira escorregadia. Tão difícil como é para falar sobre qualquer problema sexual, o nível de dificuldade aumenta vertiginosamente depois que o problema é enterrado em anos de mentiras, mágoa e ressentimento.

Não equiparar o amor com o desempenho sexual

Criar uma atmosfera de carinho e ternura; se tocam e se beijam com frequência. Não culpe a si mesmo ou seu parceiro para as suas dificuldades sexuais. Em vez de enfocar a manutenção emocionais e físicos da intimidade em seu relacionamento.

Para casais mais velhos, de outro, potencialmente sensíveis assunto, que vale a pena discutir é o que vai acontecer depois de um parceiro morre. Em casais que gostam de uma vida sexual saudável, o parceiro sobrevivo provavelmente vai querer procurar um novo parceiro. Expressando a sua abertura para a possibilidade de que, enquanto você estiver ainda vivo provavelmente vai aliviar a culpa e tornar o processo menos difícil para o parceiro sobrevivo mais tarde.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *